MINHA CONTA
Fechar
Para continuar, acesse sua conta ou faça um cadastro rápido.
E-mail ou Login
Senha
Esqueceu a senha?
Não consegue se autenticar?

Para comprar ou vender Fechar

Seja bem vindo ao Permuta Livre.

Cabras a Venda

Encontre milhares de ofertas de Cabras usadas a venda no Permuta Livre. São milhares de anúncios publicados até 30/04/2017 e você pode comprar ou trocar diretamente com o vendedor. + continuar lendo

O que é Cabra?

 

Cabra, para as fêmeas, e bode para os machos, é o nome dado a este ruminante da família do bovídeos. Enquanto jovens, são apelidados de cabritos. Existem mais de trezentas raças de cabras no mundo.

 

 

Lista das principais Raças de Cabras

 

  • Repartida
  • Canindé
  • Moxotó
  • Boer
  • Anglo Nubiana
  • BHUJ
  • Savanna

 

 

Características das Cabras


As cabras são identificadas pelos dois chifres e pela barba que possuem. Na maioria das raças, os chifres são ostentados apenas pelo macho, embora haja outras onde tanto os machos como as fêmeas os apresentam. A barba é uma característica dos dois sexos.

 

 

As cabras são animais de exterior. Necessitam de um local relativamente grande para pastar e um abrigo. Este dev ser resistente e não deve ser feito com materiais que fazem parte da lista dos mais roídos pelas cabras. Deve haver sempre água limpa à disposição

 

 

Para que servem as Cabras


Existem alguma especialização nas raças de cabras conforme a sua utilidade. Assim, há raças que são sobretudo produtoras de lã, tais como as famosas cabras que produzem lã caxemira ou angorá, outras são leiteiras, cujo leite é utilizado na fabricação de queijo, por exemplo, outras ainda produzidas para fornecer carne, por exemplo. 

 

 

A pele de cabra é também utilizada para produzir couro e o seu estrume também é aproveitado para fertilizar terrenos agrículas.

 

 

Tipos de Cabras


  • Repartida: É caracterizada por uma pelagem praticamente dividida ao meio, ao longo da linha de dorso, com duas cores distintas. Também é conhecida como "Surrão", cujo significado é próximo de roupa rasgada e suja, por causa da mistura de pelos claros e pretos, dando a sensação de sujeira. É encontrada no Nordeste, e sua principal aptidão é a produção de pele, sendo, também, usada para corte e em cruzamentos. Pesa em média 36 kg; chifres ora dirigidos  para trás, para cima e para os lados; orelhas  medianas com extremidades arredondadas; pescoço  delgado e embutido no tórax; corpo  alongado e de abdômen amplo e pelagem.

 

  • Canindé: Essa raça parece ter sido segregada no vale do rio Canindé, no Piauí, mas também se tem notícia de que sua origem seria o estado da Bahia. Apresentam-se como animais ativos, vigorosos e rústicos, de porte médio a grande. A pelagem é negra, com ventre e períneo brancos. Sob os olhos apresenta uma pequena faixa de cor branca. Os pelos são macios, finos e não muito curtos nas fêmeas, enquanto nos machos são mais grossos, e mais compridos. A cabeça é negra, com mancha branca na região da garganta. É conhecida também a variedade Canindé vermelha, em que as poções de pelagem branca são substituídas por vermelhas. Apresentam três aptidões: leite, carne e pele. Altura média das fêmeas varia de 65-75 cm, e dos machos de 70-85 cm. O peso médio das fêmeas vai de 45 a 55 kg, enquanto dos machos varia de 66 a 80 kg.

 

  • Moxotó: Originária do vale do rio Moxotó, no estado de Pernambuco, mas pode ser encontrada em todo o Nordeste. Sua maior aptidão é a produção de carne, apesar do porte não muito grande, já que apresenta boa musculatura geral, conformação e ossatura leve. A produção leiteira é baixa, em torno de meio litro de leite por dia durante apenas quatro meses. Como a maioria dos caprinos nordestinos, presta-se mais à produção de pele. Na cabeça, apresenta duas auréolas negras em torno dos olhos e duas listras descendo até o focinho. Suas orelhas são médias, viradas para os lados, sendo uma raça com chifre. Os pelos são curtos, lisos e cerrados, mais escuros no ventre e abaixo dos jarretes. Em média, mede 62 cm de altura e pesa 31 kg.

 

  • Boer: Trata-se de uma raça originária da África do Sul, resultante do cruzamento de cabras indígenas africanas com animais de origem europeia. A pelagem padrão se apresenta com coloração branca por todo o corpo, e cabeça vermelha ou escura. Fisicamente, são fortes, com excelente desenvolvimento físico. O corpo é comprido, profundo, com amplas e bem distribuídas massas musculares, características que determinam a aptidão dessa raça para a produção de carne. A produção de leite é mediana, mas suficiente para garantir uma boa criação dos cabritos.

 

  • Anglo Nubiana: O país de origem dessa raça é a Inglaterra. É extremamente rústica, adaptando-se bem ao ambiente tropical, inclusive para a criação a pasto. Possui todas as variedades de pelagem, com pelos curtos e brilhantes, pele solta, predominando a cor escura. O corpo é longo, profundo e bem conformado, bastante musculoso e conta, ainda, com um peito amplo, uma linha dorso-lombar retilínea e larga, e costelas bem arqueadas. Estas características fisionômicas garantem a essa raça uma boa aptidão para corte. Ao mesmo tempo, as fêmeas apresentam úberes muito bem desenvolvidos e uma boa produção leiteira, menor que a produção das outras raças especializadas europeias, mas contendo altos níveis de gordura e sólidos totais. Isso determina grande habilidade materna e a capacidade de produção comercial de leite. Por isso, a raça é classificada como de dupla aptidão, o que tem determinado seu uso mais intenso na caprinocultura de corte brasileira, por conta da possibilidade de uma exploração mais rentável.

 

  • BHUJ: Esta é uma raça originária da Índia, que, entretanto, no Brasil, desenvolveu um padrão racial diferente do encontrado no seu país de origem. Pode ser identificada de forma relativamente fácil por conta da pelagem que é preta, com orelhas e focinho chitados. Também apresenta desenvolvimento corporal compatível com a atividade de corte, com dorso comprido, largo, reto e bastante horizontal, e um lombo comprido e largo, que determinam carcaças de melhor qualidade. Quanto à produção leiteira, esta é muito pequena, apenas suficiente para a criação dos cabritos. Por isso sua aptidão é a produção de carne e pele.

 

  • Savanna: Essa raça tem sua origem na África do Sul, onde foi selecionada com o objetivo de obter animais de coloração branca e resistente aos parasitos, e boa produção de carne. O nome, Savana, vem do habitat dessa raça, que é o campo, tipo savana africano. A coloração da pelagem é totalmente branca, enquanto a pele é negra, excelente característica para dar aos animais da raça maior resistência à insolação. São animais altos, de grande porte, que podem passar de 130 kg de peso vivo, no caso de machos, enquanto as fêmeas pesam entre 60-70 kg. São animais compridos, de boa conformação de carcaça, lombo comprido e largo, e o pernil bastante desenvolvido. Essas características indicam a raça Savanna como indicada para produção de carne.

 

 

Benefícios das Cabras


As cabras são animais sociáveis que gostam da companhia de outras cabras e outros animais de quinta. São animais curiosos, investigam tudo com a boca, o que torna animais bastante destrutivos. Excelentes a abrir fechaduras, são conhecidos pela capacidade desenvolvida de escapar de qualquer lugar fechado.

 

 

Fontes:
arcadenoe.pt
cpt.com.br
caprinoreja.blogspot.com.br
stravaganzastravaganza.blogspot.com

Comentários sobre Cabras

Vídeo sobre Cabras

Twitter
Cabras
https://www.youtube.com/embed/GV2GA4MFsMY
Cabras