MINHA CONTA
Fechar
Para continuar, acesse sua conta ou faça um cadastro rápido.
E-mail ou Login
Senha
Esqueceu a senha?
Não consegue se autenticar?

Para comprar ou vender Fechar

Seja bem vindo ao Permuta Livre.

Manete para Bicicleta

Encontre milhares de ofertas de Manete para Bicicleta usados a venda no Permuta Livre. São milhares de anúncios publicados até 18/02/2020 e você pode comprar ou trocar diretamente com o vendedor. + continuar lendo

O que é Manete para Bicicleta?

 

 

É uma peça utilizada para os freios. Os manetes de freio são vitais para o ciclista, deve-se levar em conta a folga que você utiliza no momento de frear, se for muita, regule seus freios, para não ter problemas. 

 

 


 

Lista dos melhores Manetes para Bicicleta

 

 

  • Manete de Freio Shimano 
  • Manete de Freio Alhonga 
  • Manete de Freio Avid FR-5
  • Manete de Freio Quick Stop
  • Manete de Freio Hayes

 

 

 

Como funciona o Manete para Bicicleta

 

 

Durante o passeio, o ciclista aciona o manete de freio, que automaticamente puxa o cabo de aço a ele conectado. O cabo de aço faz os braços do freio (dianteiro: fixado no garfo ou suspensão; traseiro na parte posterior do quadro, atrás do selim) se moverem e comprimirem as sapatas contra o aro da roda. Nesse tipo de freio, portanto, a frenagem na roda (o ponto de atrito e contato da sapata) é no aro, ou seja, a parte externa da circunferência da roda, o que exige determinado esforço do ciclista para fazer a bicicleta parar.

 

 

 


Para que serve o Manete para Bicicleta

 

 

O manete serve para puxar os cabos do freio. No caso dos freios hidráulicos, a manete contém um reservatório com óleo que é usado para acionar as pastilhas. Já os mecânicos funcionam com manetes e conduítes normais, com cabos de aço, que requerem menos manutenção que os hidráulicos, mas são menos eficientes que estes.

 



 

Tipos de Manetes para Bicicleta

 



  • Manete de Freio Shimano Alivio BL-M421 
  • Manete de Freio Shimano Deore SL-M590
  • Manete de Freio Alhonga HJ288 V-brake
  • Manete de Freio Avid FR-5
  • Manete de Freio Hayes HFX-9

 

 

 

Manete de Freio Shimano Alivio BL-M421 

 

 

Manete shimano Bl-M421 para freios v-brake tipo de ação com dois dedos, com alcance da menete ajustável e regulador de ajuste do cabo, feita em alumínio com a qualidade de sempre Shimano.

 

 

 

Manete de Freio Shimano Deore SL-M590

 

 

Manete de freio Shimano Deore M590 novo modelo possui uma melhor posição para frenagem, corpo em Alumínio anodizado indicado para Cross-country e Maratonas. Possui modulador de potência com nova regulagem de tensão do cabo.

 

 

 

Manete de Freio Alhonga HJ288 V-brake  



Manete de Freio V-brake no modelo HJ288, fabricada em Alumínio com pintura da base preta e manete polido (prata) vem com regulador de cabo, parafuso regulador da altura do manete e mola de retorno, medida de abraçadeira 22.2 Ideal para freios V-Brake ou Disco. Uma Manete Leve bonita e Resistente com ótimo acabamento aliado ao um excelente custo beneficio, indicada para bikes Mtb, Passeio, Ciclo turismo e outros.

 

 

 

Manete de Freio Avid FR-5

 


Manete própria para disco mecânico ou V-Brake. Peso leve e utilizável em ambos os lados. Qualidade Avid. Cor cinza com preto Uso MTB - disco mecânico ou v-brake Material alumínio.

 

 

 

Manete de Freio Quick Stop ACQS21

 

 

Um componente Profile Design desenvolvido para modalidade de ciclismo contra relógio, que oferece melhor desempenho aerodinâmico e leveza.

 

 

 

Manete de Freio Hayes HFX-9

 

 

Manete de Freio Hayes HFX-9 uma manete de ótima qualidade e de fácil uso.

 

 


Benefícios do Manete para Bicicleta

 

 

Para trajetos urbanos, cicloturismo, trilhas leves, vá de V-brake, por ser mais barato e requerer menos manutenção.

 

Já se você for disputar competições de Downhill ou outras modalidades que exijam bastante do sistema de frenagem, e tiver como investir em um bom conjunto, não tenha dúvidas em optar pelo freio a disco hidráulico.

 

 

Para mountain bikers que encaram trilhas mais pesadas, ou mesmo competições de Cross-country ou outras modalidades menos radicais, vai de cada um decidir se vale a pena investir um pouco mais e bancar a maior eficiência do sistema a disco hidráulico ou ficar com o bom e velho V-brake.

 

 

 

Lista dos Princiais Benefícios:
 
 
  • Facilidade de regulagem
  • Exige menos manutenção
  • Mais eficientes
  • Mais suaves, exigindo menos força para acioná-los

 

 

 

 

Entendendo um pouco de Freios

 

 

 

Os freios são partes essenciais de uma bicicleta, estando presentes em quase todas as modalidades, exceto em algumas situações no BMX. São compostos das alavancas (manetes), os cabos/conduítes (hidráulicos ou de aço) e os freios em si.

 

Alguns fatores fazem alguns sistemas de freios e marcas/modelos melhores que outros, como: peso, conforto, facilidade de regulagens/manutenção, força e modulação (controle da suavidade da frenagem).

 

Existem vários sistemas de freios para bicicletas, entre eles os já quase extintos cantilevers, os v-Brakes, os freios hidráulicos, ferraduras e os freios à disco (mecânicos ou hidráulicos). 

 

 

Ferraduras

 

 

Normalmente utilizado em bicicletas de estrada, as ferraduras tem o formato de um U de cabeça para baixo. As mais antigas tem apenas um pivô central, ao redor do qual as pernas do U se aproximam ao serem puxadas pelo cabo, apertando as sapatas contra o aro. Já as ferraduras mais modernas tem um sistema composto por dois pivôs, garantindo mais potência e modulação. 

 

 

Cantilevers

 

 

Os freios cantilevers não são mais encontrados em bikes modernas. O sistema dele é bem simples: um cabo de aço é ligado a um outro cabo fazendo uma estrutura em "V" e cada lado acionando uma das pastilhas. Esse sistema caiu em desuso por ser trabalhoso de regular, necessitar muita força nas manetes em condições mais extremas e não ter muita modulação. Foi um sistema muito usado e eficiente para a época.

 

 

V-Brakes

 

 

Os freios V-Brake foram a evolução natural dos cantilevers. O sistema de funcionamento dos V-brakes é bem eficiente: o cabo de aço que sai da manete, aciona diretamente, pelo lado os dois braços da pastilha, puxando um lado e empurrando o outro ao mesmo tempo. São chamados também, menos popularmente de freios "direct pull" ou "side pull" por essa característica. O braço que sustenta as pastilhas faz uma alavanca para garantir uma força suficiente para uma boa frenagem. Os V-Brakes foram gradualmente substituídos pelos freios a disco em bicicletas mais modernas. Hoje, este sistema ainda pode ser encontrado em bicicletas mais básicas ou antigas. Porém, já nas linhas intermediárias de quadros e garfos, a única opção de montagem são o discos, já que eles não contam mais com os pinos de montagem para V-Brakes. 

 

 

Freios Hidráulicos

 

 

Os freios hidráulicos, conhecidos por alguns como "v-brakes hidraulicos" foi moda há alguns anos atrás, porém hoje não oferecem muitas vantagens sobre os discos. Eles são um pouco mais pesados que os v-brakes, precisam de um pouco mais de manutenção por serem hidráulicos e o preço é mais alto. Por serem de aro, porém, possuem a maior força de todos e se tornam indispensáveis para o biketrial. Nessa modalidade, quase todos os pilotos usam um freio hidráulico de aro na roda de trás. A marca mais popular e única no mercado até 2008 era a alemã Magura. Agora a Try all, marca inglesa exclusivamente de peças de biketrial, também fabricam um modelo.

 

 

Freios a disco

 

 

Já os freios a disco, seguem um sistema que é considerado o mais eficiente possível, já consagrado em motocicletas tanto de rua quanto de competição. Atualmente muito comum em bicicletas de MTB, os freios a disco estão começando a aparecer em bicicletas de estrada, porém ainda de forma relativamente tímida e somente em modelos de alta gama. Todavia, a tendência é que a tecnologia se popularize assim como aconteceu no fora de estrada. 

 

 

Freios a disco mecânico

 

 

Os freios a discos mecânicos funcionam através de cabos de aço, assim como os v-brakes. Pode-se usar inclusive as mesmas manetes de v-brakes. O cabo de aço passa pelo conduíte até o cáliper que aciona as pastilhas. O cáliper dos freios mecânicos algumas vezes são totalmente mecânicos, mas algumas vezes possuem um sistema hidráulico para aumentar a força da frenagem.

 

 

Freios a disco Hidráulicos

 

 

Esses são os sistemas top de linha hoje em dia. Apesar disso, já estão se tornando cada vez comuns e mais baratos.

 

Imagine um freio com força que te permite frear apenas com um dedo, mesmo em altas velocidades, e controlar com uma grande margem a dosagem da frenagem sem precisar travar a roda. Esses são os freios a disco: suaves, fortes e precisos. Hoje, todas categorias do MTB são praticamente inimagináveis sem os freios a disco hidráulicos, cenário diferente do que acontece na estrada, onde as ferraduras ainda tem amplo domínio. 

 

O sistema todo nesses freios é hidráulico. A manete contem um reservatório com óleo que é usado para acionar as pastilhas.

 

 

 

 

 

Fontes:

adrianbikeshop.com.br

fujibike.com.br

vadebike.org

blog.bemvindocicloturista.com.br

pedal.com.br

Comentários sobre Manete para Bicicleta

Vídeo sobre Manete para Bicicleta

Twitter
Manete para Bicicleta
https://www.youtube.com/embed/kRnLCKw-X6s
Manete para Bicicleta